Siga me

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

SOLDADO DA RESERVA É CONVOVADO PELO EXÉRCITO (PABLO VITTAR).


Militar da reserva, Pabllo Vittar é convocado para servir na intervenção no RJ



RIO DE JANEIRO – Poucos fãs sabem, mas o cantor a cantora Pabllo Vittar é militar da reserva do Exército Brasileiro, tendo servido no 46725º Batalhão de Cavalaria Motorizada em meados da década de 1970.

Em turnê, enquanto o estado do Rio de Janeiro recebe tropas do exército, a cantor foi surpreendida ao ser convocado para excepcionalmente voltar a vestir a farda verde-oliva e subir o morro, para cumprir missão na intervenção federal na segurança pública daquele ente da federação.

O presidente Michel Temer e o ministro Raul Jungmann foram claros ao dizer que deveríamos evitar ao máximo o confronto com traficantes. Então nosso plano é colocar o Soldado Pabllo para cantar num carro de som que transitará nas ruas das favelas, para que com isso os criminosos seja afugentados”, revelou o General Capacete, que comandará a intervenção.

Em contato com nossa equipe, Pabllo declarou que será uma honra voltar a servir o EB e garantiu que se empenhará ao máximo na tarefa.

ONG’s defendoras dos Direitos Humanos ajuizaram um mandado de segurança para que a missão dada a Pabllo seja abortada, alegando que a tarefa “viola direitos fundamentais de quem por ventura for obrigado a ouvir as músicas delx”.

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

AVEIRO ELEGE SEU REI MOMO


Transgordo: Cidade elege Rei Momo desnutrido “para quebrar paradigmas”

Na época em que vários paradigmas estão sendo revistos, a cidade de AVEIRO deu um passo adiante ao eleger o primeiro Rei Momo desnutrido de sua história.
O agraciado foi o jovem estudante Ramon Ramiro Ramos, 32 anos, que tem 1 metro e 74 centímetros e pesa 42 quilos.
Ex fumante de crack e ex aidético, Ramon sempre teve dificuldades para ganhar peso.

Nos últimos meses, no entanto, ele tem feito um tratamento a base de Cannabis Sativa, que tem lhe dado muita larica, incentivando-o a se alimentar melhor.
Engordei meio quilo mês passado e minha mãe disse que estou mais gordinho. Então daí surgiu a ideia de me candidatar a Rei Momo”, declarou Ramon.
Ele recebeu a chave da cidade na abertura do carnaval ao lado da Rainha do Carnaval, que este ano, ineditamente, é um homem.

MULHERES DO SEXO FEMININO EM CAMPANHA


Mulheres do PT se engajam em campanha contra o assédio no carnaval

Embora não estejam mais compondo o governo desde o Impeachment da presidenta Dilma Rousseff, várias dirigentes do Partido dos Trabalhadores, quase todas mulheres do sexo feminino, anunciaram na manhã de hoje sua adesão à campanha do governo contra o assédio sexual durante o carnaval.

É muito chato quando a gente está no meio de um bloco e o cara chega, a gente diz não, mas o cara fica insistindo, querendo beijar na marra. Odeio quando isso acontece comigo”, declarou Graça Foster.

A ex-secretária dos direitos humanos Ideli Salvatti informou que também considera muito inconveniente esse tipo de comportamento.

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

BOLSONARO SE EMOCIONA AO DESCOBRIR QUE JÁ ESTÁ VALENDO 50 MILHÕES DE REAIS

Bolsonaro assume comando do PSL, depois de suspeitar que seria vendido por R$ 50 milhões

Acabou a neura entre os correligionários do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL-RJ), que temiam a venda de sua candidatura por R$ 50 milhões — quase a mesma quantia apreendida no apartamento do ex-ministro Geddel Vieira Lima, em Salvador (BA).
“Já ouvi que nossa candidatura vale R$ 50 milhões e um ministério”, disse na semana passada um interlocutor de Bolsonaro em entrevista ao Valor.
Nesta segunda-feira (5), o PSL informou que Bolsonaro ficou com 11 dos dezesseis cargos na executiva nacional.
Bolsonaro pode até não ser vendido, porém, corre risco de ser “comido” pela mídia que o vê como atrapalho.
Há 15 dias, o senador Roberto Requião (MDB-PR) afirmou que “O Bolsonaro não existe mais. Foi promovido e despromovido, desapareceu”. O parlamentar se referia ao bombardeio da mídia contra o candidato do PSL.
Para Requião, houve um crescimento não sustentável de Bolsonaro graças à sua promoção pela Globo e a banca, pelos interesses financeiros que queriam derrubar a política progressista e desenvolvimentista.

Michel Temer irá disputar a Presidência. VEM AI TEMER 2018

Michel Temer irá disputar a Presidência para defender “legado” do golpe

Michel Temer bateu o martelo e decidiu disputar a Presidência da República. O emedebista quer participar do jogo sucessório para defender seu “legado” e, quem sabe, chegar ao segundo turno se houver a pulverização de candidaturas da centro-esquerda…
Dentre as realizações que Temer quer defender estão a reforma trabalhista (semiescravização dos trabalhadores), congelamento de investimentos na saúde e na educação por 20 anos, aumento da corrupção, tentativa de reforma da previdência (fim da aposentadoria), compra do Congresso Nacional, fim de programas sociais, aumento da fome e da miséria.
Temer tomou consciência de que uma terceira candidatura — Luciano Huck, Geraldo Alckmin, Jair Bolsonaro, etc. — não se preocuparia em defendê-lo de ataques na campanha. Nisso ele está coberto de razão. Cada qual vai resolver seus próprios problemas.
Além da defesa do “legado”, a candidatura de Temer esconde mais uma disputa que a cúpula do MDB trava com as bancadas de deputados e senadores: o controle do fundo partidário. À campanha majoritária própria ficara reservado 50% do fundo.

VOCÊ SABIA: A LUA É QUEM DEFINE A DATA DO CARNAVAL

Como é definida a data do Carnaval

Saiba porque a data do carnaval varia de ano para ano, as referências de cálculo da data, como saber e como funciona, resumo


Carnaval: definição da data depende de vários fatores
Carnaval: definição da data depende de vários fatores

Introdução

Como sabemos, a cada ano a data do carnaval muda. Tem ano que ela ocorre em fevereiro (mais comum), mas também pode cair no começo do mês de março (menos comum). Mas porque ocorre esta mudança de ano para ano? Vamos saber na explicação abaixo.

Como a data do carnaval é definida

No ano de 325, durante o Primeiro Concílio de Niceia, os bispos da Igreja Católica definiram a data de comemoração da Páscoa. Como veremos, a data do carnaval é definida, tendo como referência a Páscoa, que também varia de ano para ano.

A Páscoa é definida, tendo como referência o Equinócio, dia em que o dia e a noite possuem a mesma duração (doze horas). O Equinócio costuma ser por volta do dia 20 de março de cada ano. Após a ocorrência do Equinócio, deve-se esperar a primeira lua cheia, pois no domingo seguinte é o Dia da Páscoa.

Como vimos, a data da Páscoa depende da Lua Cheia, que é um fenômeno da natureza que varia de ano para ano. Assim como o Equinócio, que também é um fenômeno da natureza, pois não tem data fixa para acontecer. Mas e o Carnaval?

O dia do Carnaval ocorre 47 dias antes da Páscoa. Pois, sete dias antes da Páscoa é o Domingo de Ramos (começo da Semana Santa). Quarenta dias antes do início da Semana Santa é a terça-feira de Carnaval. Logo, o dia do Carnaval é o último antes do período da Quaresma, em que muitas igrejas cristãs possuem a tradição de fazer jejum de carne.

Vale lembrar

O Carnaval é uma festa pagã e não cristã. Não foi definida pelos religiosos. Provavelmente, esta tradição popular foi criada para que as pessoas pudessem comer carne (este sentido foi ampliado como o passar do tempo), antes de começar o período de jejum de 40 dias (Quaresma).

Carnaval em 2017 e nos próximos anos (datas)

- 2017: 28 de fevereiro

- 2018: 13 de fevereiro

- 2019: 5 de março

- 2020: 25 de fevereiro

REDE GLOBO INCESTO LUGAR EM AUDIÊNCIA

Após exibir pai encoxando filha, BBB fica incesto lugar de audiência

PROJAC – O reality show Big Bosta Brother Brasil, exibido pela Rede Globo de Televisão, amargou na noite de ontem o recorde negativo de audiência desde que entrou no ar, há mais de uma década.
O motivo da migração da audiência para outras emissoras, segundo especialistas, foi a exibição de uma cena em que o pai encoxava a própria filha.
O programa, que é inspirado no livro 1984, de George Orwell, tem como proposta mostrar a rotina dos participantes durante vinte e quatro horas por dia, sete dias por semana, trezentos e sessenta e cinco dias do ano.
O fato havido dentro da casa, no entanto, desagradou até o menos pudicos expectadores, como foi o caso do ator de filmes pornográficos Gonçalão Tripé.
Putaria tem limite”, exclamou ele indignado.
Em razão do ocorrido, o programa ficou incesto lugar de audiência, perdendo para o Cine Privê e a TV Canção Nova.

CHAVES TERÁ SUA VERSÃO LGBT EM SUA EXIBIÇÃO NA REDE GLOBO

 

Globo exibirá versão LGBT de seriados Chaves e Chapolin


PROJAC – Após adquirir direitos de transmissão dos clássicos Chaves e Chapolin – derrotando o SBT que transmitia os seriados antes mesmo da TV ser inventada – a Rede Globo anunciou na tarde de hoje que não colocará no ar os episódios que já foram assistidos repetidas vezes por várias gerações de brasileiros.
Não está dentro do padrão Globo de televisão colocar no ar uma atração que já foi exibida várias e várias vezes”, declarou Anastácio Marinho.
Ele esclarece, no entanto, que o contrato de transmissão dos seriados garante à Rede Globo o direito de filmar novos episódios.
Vamos fazer uma versão mais moderna da atração, na qual abordaremos questões de gênero, homossexualismo, preconceito e violência doméstica. Os personagens, ao contrário da versão mexicana, não farão bullying um com o outro, e o protagonista será usado para sensibilizar o espectador para a questão das crianças em situação de rua.”
Na nova versão, alguns personagens terão outras funções na trama.
“O professor Girafales será um educador engajado, que adotará o método Paulo Freire para alfabetizar os alunos e conscientizá-los de seus papéis como cidadãos. O Kiko adquire consciência política e acaba se engajando no movimento estudantil secundarista e adere ao poliamor quando descobre que sua namorada, a Chiquinha, está tendo um relacionamento paralelo com o Chaves”, explica Anastácio.
O ponto alto da trama se dá, no entanto, quando é revelado o segredo de Seu Madruga.

REDE GLOBO EM DECADENCIA CULTURAL

SBT dá resposta após Grupo Globo comprar o “Chaves”

Nesta terça (30), foi revelado que a Globosat firmou parceria com a rede Televisa e o Grupo Chespirito pelos direitos de exibição do seriado e "Chapolin"


Nesta terça (30), o UOL revelou que o Grupo Globo adquiriu os direitos para a transmissão dos seriados Chaves Chapolin — clique aqui para saber mais. Segundo a publicação, a Globosat firmou parceria com a rede mexicana Televisa e o Grupo Chespirito e comprou os direitos de exibição dos programas, que estão no ar há 33 anos pelo SBT.

A estreia será no canal pago Multishow. No entanto, os fãs não precisam se desesperar: Chaves segue firme e forte na rede comandada por Silvio Santos. Os episódios também estarão disponíveis no serviço de streaming da Globosat. Não à toa, após tantos anos na grade do SBT, fãs foram surpreendidos pela novidade — e não faltaram piadas. Confira a repercussão:
Essa noticia da Globo comprando episodios Chaves e Chapolin, merecia ate ser anunciado no plantao da globo com vinheta e tudo

domingo, 4 de fevereiro de 2018

STIVIE WONDER DIZ QUE LULA É INOCENTE

Stevie Wonder diz que não viu provas para condenar Lula


Fazendo coro com uma legião de intelectuais, tais como o deputado Sibá Machado e a senadora Fátima Bezerra, o músico Stevie Wonder, em entrevista exclusiva à nossa reportagem, afirmou, na tarde de ontem, que não viu provas para condenar o ex-presidente do Brasil.
Eu até baixei uma cópia em PDF dos autos do processo no meu computador, mas sou franco em dizer que não vi provas para condenar Lula”.
A afirmação do músico foi bem recebida por correligionários do ex-presidente, que têm afirmado que também não viram provas para condenar o petista.
É como diz aquele ditado: ‘Em terra de cego, quem tem um olho é caolho’. Tenho visto com bons olhos que essas coisas que estão acontecendo ao menos serviram para revelar a quantidade de juristas que tem no PT e no MST, dada a propriedade com que eles analisam os autos processuais”, disse Wonder.

sábado, 3 de fevereiro de 2018

SUS CONFIRMA QUE TEMER É UM VAMPIRO

Temer não consegue provar que está vivo e tem aposentadoria de R$ 45 mil suspensa


Michel Temer não conseguiu provar que está vivo — por falta de tempo, segundo ele — e por isso teve suspensa uma das aposentadorias a que tem direito, a de governador de São Paulo, no valor de R$ 45 mil mensais. Ele também se aposentou aos 55 anos, com salário de R$ 33 mil mensais, como procurador do Estado de São Paulo.
Todo aposentado da Previdência Pública tem que se apresentar no mês de seu aniversário para continuar recebendo o benefício. Temer deveria ter feito o recadastramento em setembro do ano passado, quando completou 77 anos. Não o fez. Não provou que está vivinho da Silva, como manda a lei.
Pois bem, Temer tem lidar com a fama de praticar satanismo. Dia desses ele reclamou no programa de Amaury Junior (Band) a disseminação dessas fake news. No entanto, é o próprio Michel Temer quem dá margem para esse tipo de especulação. ‘Ora, por que então não prova que está vivo?’ Já perguntam nas redes sociais.
Temer que acumula aposentadorias e privilégios quer acabar com o benefício dos trabalhadores brasileiros. A reforma da previdência que ele pretende votar no próximo dia 19 deste mês extingue na prática a aposentadoria. Ou seja, a pessoa trabalhará a vida inteira e morrerá sem se aposentar por que a idade será elevada, bem como o tempo de contribuição.
Com a reforma da previdência quem ganhará bilhões ou trilhões de reais serão os bancos privados que estão de olho nesse mercado. Portanto, o fim da poupança previdenciária pública é para satisfazer o sistema financeiro.

BANDEIRANTES E REDEGLOGO NA CORRIDA PRESIDENCIAL.



“Luciano Huck não tem competência para resolver os problemas do Brasil”, diz Datena

O apresentador O apresentador José Luiz Datena desceu a borduna no também apresentador e candidato da Globo Luciano Huck. “Luciano Huck não tem competência para resolver os problemas do Brasil”, disse ao negar que seja candidato nas eleições de 2018.
“Ninguém da TV tem condição de governar o país. Eu não tenho competência para resolver os problemas do meu Estado, assim como o Luciano Huck não tem competência para resolver os problemas do Brasil”, afirmou o apresentador da Band ao UOL nesta quinta (1º).
De acordo com o Datafolha divulgado nesta quarta (31), o candidato da Globo tem 8% das intenções de voto e está empatado com o governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB).
“O fato de ser um apresentador muito competente não faz dele um político. Do jeito que o Brasil está, não podemos mais errar”, completou Datena, ao discorrer sobre a falta de competência de Huck.
Segundo levantamento da Paraná Pesquisa, de dezembro do ano passado, Datena lidera a corrida por uma das vagas ao Senado pelo estado de São Paulo.

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

VIA CRUCIS DE LULA ATÉ O CALVARIO.

Quais são os caminhos para Lula após STJ negar habeas corpus

Ex-presidente foi condenado em segunda instância e, após julgamento de todos os recursos no TRF-4, pode ser preso

Quais são os caminhos para Lula após STJ negar habeas corpus

Depois da condenação do ex-presidente Lula em segunda instância, no último dia 24, muita especulação surgiu em torno da prisão dele. Os desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4 ª Região (TRF-4) negaram o recurso da defesa do petista contra sentença aplicada pelo juiz Sérgio Moro, no caso do triplex no Guarujá (SP).

Leandro Paulsen, João Pedro Gebran Neto e Victor Luiz dos Santos Laus ainda aumentaram a pena do ex-presidente, de 9 anos e meio para 12 anos e um mês, em regime fechado, sob acusação de corrupção e lavagem de dinheiro.
Nessa terça-feira (30), na tentativa de impedir uma possível prisão de Lula, seus advogados entraram com pedido de habeas corpus preventivo, no Superior Tribunal de Justiça (STJ), que ontem mesmo acabou negado.
Para piorar a situação do petista, a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, declarou que não há previsão da Corte para pautar votação sobre prisões após condenações em segunda instância.
Confira abaixo perguntas e respostas sobre o cenário que cerca o ex-presidente, de acordo com informações de O Globo.
Lula ainda pode conseguir um habeas corpus no STJ para evitar a prisão?
Sim. A liminar foi negada pelo ministro Humberto Martins, vice-presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), porque, durante o recesso do Judiciário, ele é o responsável pelas decisões urgentes. A partir de quinta-feira, quando as atividades do STJ forem retomadas, o caso seguirá para o gabinete do ministro Félix Fischer, relator da Lava Jato no STJ, que poderá rever a decisão. Ele também poderá levar o caso para julgamento na Quinta Turma do tribunal.
Quando Lula pode ser preso?
O presidente da 8ª Turma do TRF-4, desembargador Leandro Paulsen, deixou claro que o cumprimento da pena só acontece após o julgamento de todos os recursos no TRF-4. Paulsen lembrou do entendimento do Supremo Tribunal Federal de que a pena pode ser executada depois da condenação do réu por um tribunal de segunda instância. Pela interpretação do STF, a prisão depois da condenação em segunda instância não é obrigatória. Deve ser decidida de acordo com o caso específico.
Que recursos jurídicos ainda estão à disposição do ex-presidente?
Como foi condenado por unanimidade, Lula só pode apresentar embargos declaratórios, usados para esclarecer pontos da sentença proferida pelos desembargadores contra essa decisão no próprio TRF-4.
O petista ainda pode recorrer a outras instâncias superiores?
Sim. Depois que o TRF-4 julgar o recurso, se ele for negado, a defesa poderá apresentar um recurso especial ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), que serve para apontar decisões ou atos do processo que violem princípios como os da ampla defesa e outros.
No STJ, o ministro Félix Fischer, relator da Lava Jato, vai examinar o eventual recurso. Caso o pedido seja negado, a defesa poderá apelar para o Supremo Tribunal Federal (STF). Lá, quem julgará o habeas corpus é o relator da força-tarefa na Corte, ministro Edson Fachin.

LUCIANO HUCK INELEGÍVEL, MAIS UMA DERROTA DA REDE GLOBO. PEGA PORRA!!

Ministro do TSE intima Globo, Huck e Faustão a prestar esclarecimentos

O PT pede que Huck fique inelegível ou tenha negado seu pedido de registro de candidatura

Ministro do TSE intima Globo, Huck e Faustão a prestar esclarecimentos
O ministro Napoleão Nunes Maia, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), intimou nesta quinta-feira (1º) os apresentadores Luciano Huck e Fausto Silva, além das Organizações Globo, a prestar esclarecimentos sobre um programa veiculado na TV no começo de janeiro.
Parlamentares do PT entraram com representação no TSE por suposto abuso dos meios de comunicação e de poder econômico praticado pela TV Globo e pelos apresentadores.
Os petistas alegam que Faustão promoveu Huck "como pré-candidato à Presidência da República, em cadeia nacional, durante entrevista em seu programa dominical veiculado no dia 7 de janeiro de 2018 pela emissora de televisão representada, o que comprometeria a isonomia do pleito que se aproxima".
"Entendo que, para melhor e mais ponderada apreciação da situação processual e material que ora se manifesta, cumpre determinar, o que ora faço, sejam as partes Representadas regularmente intimadas para manifestarem-se no prazo de 5 (cinco) dias, querendo-o, conforme entenderem de seu direito ou da defesa de seus interesses", escreveu o ministro na decisão.
O PT pede que Huck fique inelegível ou tenha negado seu pedido de registro de candidatura.
O PROGRAMA
Convidado para um quadro do "Domingão do Faustão" (TV Globo), Huck afirmou que não existe "salvador da pátria" capaz de resolver os problemas do Brasil e que é preciso aproveitar o momento de "derretimento da classe política" para "reocupar esse espaço".
Faustão havia pedido que Huck falasse sobre suas perspectivas e explicasse por que é otimista com o futuro.
Huck foi sondado por partidos políticos a se lançar candidato à Presidência nas eleições deste ano. Em novembro, publicou um artigo na Folha afirmando que não seria candidato, mas que atuaria na política por meio de movimentos cívicos. Com informações da Folhapress.

BRASIL FOI ROUBADO DE FORMA LEGAL, E AINDA PAGAMOS CARO POR ISSO

O golpe foi dado para que os gringos roubassem o nosso petróleo

O jornalista Leonardo Attuch, em artigo especial, desenterra a cabeluda história da espionagem dos Estados Unidos contra a Petrobras e Dilma Rousseff, em 2013, nas vésperas do golpe que a depôs do cargo. Para o editor do 247, diferente do Oriente Médio, as petroleiras internacionais conseguiram se apoderar da maior descoberta recente de petróleo no Brasil [o pré-sal] sem dar um único tiro.
Roubaram o pré-sal e foram indenizados

No segundo governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o Brasil anunciou as maiores descobertas de petróleo no século 21, que foram as reservas do pré sal. Coincidência ou não, em 2008, quatro notebooks e dois HDs da Petrobras foram furtados, com informações sigilosas sobre o pré-sal, numa típica ação de espionagem industrial, que envolveu a empresa norte-americana Halliburton, que também atuou na invasão do Iraque. Pouco tempo depois, o Brasil passou a ser espionado pela NSA, uma agência de inteligência dos Estados Unidos, com foco especial no setor de petróleo.
A espionagem se tornou pública já no governo da presidente Dilma Rousseff, com as revelações feitas pelo agente Edward Snowden. Não só Dilma havia sido bisbilhotada, como a própria Petrobras. Desde então, surgiram as primeiras evidências de que um golpe, movido a petróleo, estava em curso no Brasil. De um lado, colunistas alinhados com o pensamento vira-lata e entreguista desdenhavam do pré-sal, alegando que o custo de extração seria extremamente alto. De outro, Dilma tentava resistir, com um modelo de exploração que passava a ser o de partilha, com maior geração de riquezas para a União e o comando da Petrobras.
Em 2013, com as chamadas jornadas de junho, uma “primavera árabe” brasileira passou a ser estimulada nas redes sociais por páginas patrocinadas por grandes interesses econômicos. Um ano depois, a Operação Lava Jato transformou a promiscuidade histórica das relações público-privadas brasileiras num caso de “corrupção sistêmica” de uma estatal que teria sido aparelhada para garantir um “projeto de poder”. O que se pretendia era derrubar a presidente Dilma Rousseff e cassar o registro do PT para que o partido fosse banido da vida pública brasileira.
Com a descoberta de que a farra das empreiteiras era generalizada, apenas o primeiro objetivo foi alcançado. E o Brasil, curiosamente, foi o primeiro país da história a derrubar uma presidente honesta para instalar uma organização criminosa no poder. Feita a transição, a primeira mudança se deu justamente no petróleo, com a venda de campos do pré-sal até para estatais de outros países, como a norueguesa Statoil, e leilões que favoreceram empresas como Shell e Exxon.
Sem disparar um único tiro, ao contrário do que ocorreu nas invasões recentes do Oriente Médio, as petroleiras internacionais conseguiram se apoderar da maior descoberta recente de petróleo. Enquanto isso, no Brasil, foram eliminados mais de 2 milhões de empregos na cadeia produtiva do setor de óleo e gás, a indústria naval foi paralisada e, como cereja do bolo, a Petrobras decidiu indenizar, antes de qualquer condenação judicial, investidores dos Estados Unidos, alguns deles de fundos-abutres, em nada menos que R$ 10 bilhões. Em resumo: roubaram o pré-sal e ainda foram indenizados.