Siga me

terça-feira, 12 de março de 2013

ALMAS EM DISPUTA NO CONGRESSO

AGORA TANTO FAZ A EXPLORAÇÃO DO PETRÓLEO OU DA FÉ TERÃO QUE SER DIVIDIDOS ENTRE OS ESTADOS.

Bancada evangélica terá que repartir dízimo com todas as almas da União.

O deputado federal Jean Wyllys, eleito pelo Rio de Janeiro, apresentou hoje uma proposta para enquadrar todos os royalties, e não só os do petróleo, no sistema de distribuição igualitária entre todos os estados e almas da União. "Não é justo que só os evangélicos produtores fiquem com os royalties do dízimo. Todos os recursos auferidos com a exploração, seja do petróleo ou da fé, têm que ser repartidos igualmente entre os filhos de Deus", disse.

Ungido de gel e Grecin, o pastor Marco Feliciano, presidente da Comissão dos Preconceitos Humanos, formou um Tribunal da Inquisição para debater democraticamente a sugestão. "Descobrimos que Wyllys está claramente agindo a serviço do Demônio. Ou seja: tem dedo do José Dirceu nessa história", denunciou. Um comitê de exorcistas brancos e heterossexuais foi montado para apurar a situação.

No final da tarde, Dirceu admitiu que tramava, pelas encruzilhadas e becos, o Controle Social da Fé. Imediatamente, Joaquim Barbosa condenou-o à fogueira. Enquanto espera a execução da sentença, determinou Barbosa apalpando as próprias costas, Dirceu terá que usar uma coleira como a de Luma ex-Eike Batista, mas com a inscrição "mensaleiro"
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FIQUE A VONTADE.