Siga me

quarta-feira, 29 de maio de 2013

BOATO "LULA NÃO É MAIS PRESIDENTE DO BRASIL" LEVA MILHARES DE PESSOAS AS RUAS.


Boato de que Lula não é mais presidente gera tumulto em 12 cidades


Alarmadas com o boato de que Lula não é mais presidente do Brasil, milhares de pessoas promoveram o caos em 12 cidades no final de semana. Em São Paulo, militantes do PT organizaram um rodízio de furtos e arrastões na Virada Cultural. "Quantas e quantas vezes, um homem poderá roubar / Antes que o chamemos de ladrão? / A resposta, meus caros, sopra com o ar poluído da marginal", cantou Eduardo Suplicy, após ter sua renda mínima furtada.
Em Belo Horizonte, Ronaldinho Gaúcho simulou atirar uma granada na torcida do Cruzeiro numa atitude clara de terrorismo petista. No Rio, o jornal O Globo registrou a diminuição de sorrisos no Leblon. O nordeste também foi afetado. Centenas de milhares de pessoas vagaram desnorteadas pelas ruas do Maranhão após a divulgação do boato de que Sarney tinha passado para a oposição.

Alarmada, Dilma Rousseff criou seis novos ministérios para resolver o problema. "Tivemos que agir rápido. Criamos o Ministério contra a Boataria, e cinco secretarias, com status de Ministério, para promover o legado de Lula e manter a tranquilidade no país", assegurou, enquanto criava quatro novos programas sociais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FIQUE A VONTADE.