Siga me

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

SILAS MALLA MALAFAYA

Silas Malafaia propõe debate presidencial ao vivo do Templo de Salomão.

 

A polêmica envolvendo o nome de Silas Malafaia durante a corrida presidencial de 2014 o fez tomar uma atitude para provar categoricamente que não exerce qualquer influência sobre o programa de governo da candidata Marina Silva, do PSB. Visando declarar sua isenção e espírito democrático típico de um estado laico, o líder do Ministério Vitória em Cristo propôs à Rede Vida que o debate seja feito ao vivo direto do recém-inaugurado Templo de Salomão. A emissora católica concordou desde que o dízimo coletado seja dividido igualmente.
Eduardo Jorge, do PV, é o único candidato a negar o convite. “Eu não tenho nada a ver com isso”, afirmou.
Luciana Genro, do PSOL, declarou que irá desde que não precise chamar ninguém de pastor. Dilma, do PT, confirmou e, caso tudo corra bem, prometeu oferecer uma Comissão Permanente da Câmara para algum indicado de Malafaia. Aécio Neves, do PSDB, afirma o prazer de estar presente e dispara que a Constituição de 1988 foi proclamada sob a proteção de Deus com o voto do senador Fernando Henrique Cardoso.
Levy Fidelix, do PRTB, confirmou aparição, mas acha absurdo que o recinto tenha custado 685 milhões de reais e as igrejas sejam isentas de impostos. “Com o mesmo volume de capital é possível construir um Aerotrem ligando a Amazônia ao Rio Grande do Sul”, provocou.
Segundo o Estatuto do Torcedor, 20% dos ingressos serão destinados aos petistas e aos tucanos já que Marina Silva e Pastor Everaldo jogam em casa. Marco Feliciano e Jair Bolsonaro serão os mediadores. Os jornalistas convidados são Arnaldo Jabor (Rede Globo) e Rachel Sheherazade (SBT).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FIQUE A VONTADE.