Siga me

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

PMDB AGORA FLEX APOIARÁ DOIS CANDIDATOS À PRESIDENCIA

PMDB apoiará Dilma e Aécio no segundo turno.

Em pronunciamento para 35 mil apadrinhados políticos, líderes do PMDB anunciaram apoio integral a Dilma e Aécio no segundo turno. "Temos um projeto de país que é Total Flex", anunciou Renan Calheiros, sob aplausos de 344 diretores de estatais indicados pelo partido. "Fizemos um levantamento interno e cerca de 3% dos nossos correligionários queriam apoiar Dilma. Outros 3% optaram por Aécio. O restante decidiu apoiar o Brasil!", bradou Eduardo Cunha.
Após elogiar Reinaldo Assevedo e Marilena Chauí, Henrique Alves destacou a coerência do partido. "Estivemos conectados com FHC quando o Brasil controlou a inflação e com Lula e Dilma quando milhões entraram para a classe média", destacou. Após uma pausa dramática, concluiu. "Nem liberalismo, nem comunismo. Sempre fomos partidários do fisiologismo de centro", discursou, enquanto distrubuía santinhos com a foto de afilhados políticos que almejam 3% das vagas de Furnas. "Se algum candidato ameaçar acabar com o Bolsa Governo nós vamos denunciar. Em direito adquirido não se mexe", completou.
Em seguida, a cúpula peemedebista apresentou suas condições para apoiar a chapa tucana: "Aécio deverá investir na construção e ampliação de pequenos aeroportos em todo o Brasil. E, claro, largar de mão essa história de Estado Mínimo", destacou Michel Temer. "Para apoiarmos Dilma, exigimos 3% do carinho da presidenta", sentenciou.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FIQUE A VONTADE.