Siga me

quinta-feira, 14 de abril de 2016

PUTEIRO É FINANCIADO PELO BNDS

Empresário consegue financiamento pelo BNDES para abrir puteiro de bonecas infláveis.

É o primeiro estabelecimento dessa natureza no país”, fala orgulhoso Seu Joca, dono do inusitado “puteiro inflável”, como chama carinhosamente.

O estabelecimento, segundo seu proprietário, foi idealizado quando ele perdeu o emprego e pensou em abrir seu próprio negócio.
“Um amigo me disse que eu poderia tentar pegar um empréstimo no BNDES, e assim eu fiz. Graças a Deus o investimento tem dado retorno e eu estou conseguindo pagar o empréstimo em dia, ao contrário do Eike batista”, brinca Seu Joca.
O empreendimento é uma espécie de bar, no qual os frequentadores podem pagar pelo “programa” de uma – ou mais de uma – das bonecas infláveis que ficam expostas atrás do balcão.
“Se o cara quiser alugar por uma hora é um valor. Se quiser um ménage a tróis, já sai um pouco mais caro. De segunda a quinta, como o movimento é mais fraca, temos promoção pra suruba”, explica o empresário.
Seu Joca revela que sempre sonhou em ser dono de um puteiro, mas tinha medo de ter problemas com a polícia, já que rufianismo, como é chamado quem se favorece da prostituição alheia, é crime no Brasil.
“A opção que encontrei foi comprar essas bonecas infláveis, que além de serem mais em conta que um puta, não transmitem doença, nem tem TPM”, explica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FIQUE A VONTADE.