Siga me

sábado, 4 de janeiro de 2014

MANAUS VIROU INFERNO

CIENTISTAS DESCOBRIRAM QUE O INFERNO É NA CIDADE DE MANAUS, QUEM GANHA COM ISSO SÃO AS FÁBRICAS DEVIDO A PERMANENCIA DE SEUS EMPREGADOS POR MAIS TEMPO TRABALHANDO NO AR CONDICIONADO, E EM FUNÇÃO DA GRANDE ONDA DE CALOR MAIS DE DOIS MIL EMPREGADOS CANCELARAM SUAS FÉRIAS PARA PERNECER TRABALHANDO EM AMBIENTE CLIMATIZADO, veja a matéria na íntegra.

Dois mil empregados desistem de férias para poder ficar no ar-condicionado da empresa.

O Ministério do Trabalho emitiu uma nota alegando que os trabalhadores que desistirem de suas férias não poderão tirá-las novamente em outros meses. Esta nota foi lançada após, na capital amazonense, cerca de 2 mil profissionais pedirem desesperadamente para voltar aos seus trabalhos para desfrutar do ar-condicionado da empresa.

Segundo o consultor Márcio Casanova, as desistências são por sobrevivência, são trabalhadores de escritório que não possuem ar-condicionado em casa e, se o possuem, não possuem dinheiro suficiente para pagar a conta de luz.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FIQUE A VONTADE.