Siga me

domingo, 14 de maio de 2017

PAI E FILHO INELEGÍVEIS EM RURÓPOLIS

pai e filho, ambos ex-prefeitos, devem ter o mesmo destino político, a inelegibilidade".
Até hoje, passados 134 dias desde que deixou o cargo de prefeito de Rurópolis, Pablo Genuíno ainda não protocolou no TCM (Tribunal de Contas dos Municípios) as prestações de contas relativa aos exercícios financeiros de 2015 e 2016.Consulta recente feita pela Câmara de Vereadores de Rurópolis junto ao TCM constatou a pendência. No Ler Mais, abaixo, veja cópia do documento.
Pablo dirigiu o município de 2013 a 2016.
Tentou a reeleição, mas as urnas o rechaçaram com quase 68% dos votos dados para oposição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FIQUE A VONTADE.